Procurar no Bloguefólio:


Widget UsuárioCompulsivo

quinta-feira, 7 de novembro de 2013

Máquina(s) de fazer contas!

Às vezes acontecem coisas assim... então não é que a nossa professora ontem encontrou o vendedor de castanhas, aquele mesmo, da História da Maria Castanha?

Pois foi, mas ele estava com um problema para resolver e não sabia como:
A Maria Castanha e os seus dois amigos tinham apanhado as castanhas todas que caíram ao chão, quando ela ia a correr e chocou contra o carrinho, lembram-se? Então o vendedor estava a pensar quem teria sido que apanhou mais castanhas do chão...

  • Seria a Maria Castanha? Com a mão esquerda apanhou 5 castanhas e com a direita mais 5 castanhas. 
  • Seria a menina? Com a mão esquerda apanhou 3 castanhas e com a direita mais 4 castanhas. 
  • Seria o menino? Com a mão esquerda apanhou 3 castanhas e com a direita mais 2 castanhas. 

Como vamos fazer para saber quantas castanhas apanhou cada um ao todo
- Temos que fazer uma conta. E temos que as juntar todas.

E assim fizemos, usando castanhas verdadeiras para resolver o problema:
Os mais crescidos fizeram a operação manipulando as castanhas e contando-as.
Mas, para ajudar os mais pequeninos a fazer esta operação matemática, pensamos em usar uma máquina, para ser mais fácil... 
- Uma máquina de calcular?
- Não, uma máquina diferente...(um pouco estranha, é verdade ;-)

E a nossa máquina de fazer contas (sem estar acabada ;-), ajudou mesmo os mais pequenos a fazerem as suas contas de somar! Escolheram quantas colocar do lado esquerdo e quantas do lado direito e depois de se juntarem todas, contaram o resultado obtido!

Matematicando com castanhas on PhotoPeach 

No final registamos no quadro, começou por ser a professora a fazê-lo, mas alguém acabou em vez dela!
                               
Assim obtivemos a resposta, através destas contas de somar:
- Quem apanhou mais castanhas, foi mesmo a Maria Castanha, Sr. Vendedor!

Também nós hoje fomos máquinas de fazer contas!

Como refere a brochura da DGIDC "Sentido de número e organização de dados"...

"As competências de cálculo das crianças em idade pré-escolar desenvolvem-se em simultâneo com as suas competências de contagem. Mesmo quando o conhecimento da sequência numérica é ainda muito rudimentar, esse conhecimento permite-lhes efetuar cálculos elementares. As crianças compreendem que se tiverem 3 carros e lhes dermos mais 2 ficam com 5 carros (concretizando a ação com os carros, representando-a com os dedos, desenhando-a ou calculando mentalmente sem qualquer apoio físico)".

3 comentários:

Era uma vez... disse...

Gostei muito, mas muito mesmo, do que li e do que vi!
"Matematicando", projeta sem dúvida um trabalho de excelência com registos e planificações mentais de grande utilidade. Se assim fosse em todos os níveis de ensino, certamente haveria uma melhoria na média nesta área. "MATEMATICANDO", a matemática desenvolve-se, porque se manuseia e se brinca com ela!
Parabéns..."Gosto disto"!
Laura
piratinhasnoji.blogspot.com

Ofélia disse...

Adorei a máquina! bj

Rosa Alves disse...

Olá Fixes! Mas que bem que vocês "matematicam"!
Gostei muito da vossa máquina. É a "brincar", que se aprende. Mas, quem é mesmo uma "máquina" é a vossa professora...sempre com ideias fixes.
Beijinhos Triquiteiros

Diário Bloguefólio

Porquê e para quê um Blogue-Portefólio?

Uploaded on authorSTREAM by jusousa | 

De onde nos chegam amigos