Procurar no Bloguefólio:


Widget UsuárioCompulsivo

segunda-feira, 10 de março de 2014

Uma história e mais projetos...

Começamos o dia com as novidades do Dia da Mulher - parece que todas ficaram felizes com a nossa surpresa lá por casa, que fixe! - e começamos a colocar em andamento "o que queremos fazer" que já tínhamos escrito no Diário de Sala na passada sexta-feira.
Trata-se de preparar um outro dia muito importante que aí vem e arrancámos com esta história que nos fez pensar como é o nosso pai...

Relembramos o que eram adjetivos (aquela palavra nova descoberta aquando do Dia da Mulher) e descobrimos alguns escondidos no meio desta história... 
Aproveitamos para explorar os contrários/opostos desses atributos, como: 
- Alto/baixo, gordo/magro, forte/fraco,  trabalhador/preguiçoso...
Encontramos semelhanças/diferenças entre o pai do Luís e os nossos pais... porque afinal, tal como nós, os pais são todos diferentes! 

No tempo de atividades e projetos da rotina diária partimos para a ação: para concretizarmos o que pensamos, tínhamos primeiro que criar um projeto-piloto, ou seja, experimentar para ver se resultava. 
O Miguel P. - que é um rapaz muito dado a projetos - não se fez rogado e começou logo por explicar aos outros que hoje escolheram esta área, como era a receita da cola do Art Attack, (programa da TV) porque era boa para o que precisávamos fazer:
- Temos de usar partes iguais de cola branca e água.

E conseguiu fazê-lo: usou dois copos e mediu a mesma quantidade de cola e de água, que depois juntou num outro copo, mexendo bem. Estava pronta a cola do Art Attack!
Mais tarde explicou aos colegas que partes iguais significava a mesma medida, ou seja, a mesma quantidade de uma coisa e de outra. 
Claro que todos perceberam ;-)
Depois foi só usá-la... ah e por falar nisso, precisamos de papel de jornal, se tiverem aí por casa podemos levar algum para a sala?

Entretanto, ainda na área dos projetos, coexistiam dois individuais, da Anita e da Leonor, que resolveram dar bom uso aos corações que sobraram do cartão do Dia da Mulher... mas a cola normal da colagem não dava para colar tampinhas e tiveram que pensar como resolver o problema!
- Podemos usar um bocado daquela cola vermelha?
Realmente, a cola de tubo foi muito mais eficaz, permitindo-lhes atingir os objetivos a que se propuseram!

De tarde andamos à volta da palavra PAI, descobrimos a sua letra inicial (P) e várias palavras que começam por P... descobrimos também as suas letras finais (AI) e identificamos algumas palavras que terminam da mesma forma, que são as palavras que rimam!
E registamos (os mais crescidos) ficando ao critério de cada um o modo como fazê-lo... aqui está um pouco da diversidade de escolhas que surgiram para a mesma tarefa:




(ainda não ficaram prontos todos os registos)

Porque é muito importante que cada um coloque a imaginação a funcionar para resolver os seus problemas... e é na riqueza da diversidade que todos crescemos.

Assim se vai construindo o nosso dia a dia, de forma ativa, criativa e empenhada!

Sem comentários:

Diário Bloguefólio

Porquê e para quê um Blogue-Portefólio?

Uploaded on authorSTREAM by jusousa | 

De onde nos chegam amigos