Procurar no Bloguefólio:


Widget UsuárioCompulsivo

terça-feira, 13 de maio de 2014

Um dia de espant(alh)o!

Depois das novidades sempre entusiastas das festas (que continuam no próximo domingo com o desfile das crianças com cestos e andores) mudamos de assunto, voltamos ao projeto que temos pendente e recebemos a visita de um amigo da Marylène... 
Valentim, o espantalho!
Entrou na sala, falou, falou, falou (bem tinha dito a Mary que ele era muito falador!) e contou-nos a sua história: como não gostava nada de ser assustador, tornou-se um espantalho amigo de todos os animais, libertou as suas pernas, saiu da horta e veio até à Sala Fixe ensinar uma canção gira aos meninos... esta aqui:


Com ele cantamos e dançamos também... mas temos que aprender melhor a coreografia ;-)

De seguida foi-se embora e então (re)começamos o nosso projeto, fazendo o protótipo do espantalho, isto é, uma espécie de modelo do espantalho que queremos construir para a nossa horta. Uma palavra nova que hoje aprendemos para enriquecer o nosso vocabulário e que já fomos aplicando corretamente ao longo do dia!
Fizemos o protótipo de duas formas diferentes, mais uma vez de acordo com as idades:
  • Os mais pequenos desenharam o espantalho e começam, cada vez mais, a ser capazes de representar o esquema corporal:

  • Os mais crescidos, construíram um modelo a 3 dimensões, utilizando para tal os materiais disponíveis na área dos projetos:

Para o conseguirmos tivemos que trabalhar em grupo, ter ideias, colaborar, negociar, chegar a consensos, tomar decisões, resolver problemas, partilhar materiais... e foi assim:
Valeu a pena, tanto o processo, como o produto ;-)

Já de tarde e ainda a propósito deste projeto de empreendedorismo, a caixinha das surpresas trouxe-nos roupas, muitas roupas velhas, roupas próprias para... um espantalho! 
Mas eram tantas, como combinar? 
E quantas combinações diferentes poderíamos fazer usando-as? 
Ora ai está mais uma situação-problema de matemática... que tivemos que resolver! 
Desta vez usamos uma tabela de dupla entrada para nos ajudar:
Tivemos que assinalar as diversas possibilidades, marcando  nos espaços em branco onde as roupas se cruzavam/encontravam e assim descobrimos 9 formas diferentes do espantalho usar aquelas peças de roupa!
Assim foi o nosso dia depois das festas, um dia de espanto!

2 comentários:

Ofélia disse...

Adorei a tabela.

Rosa Alves disse...

O vosso dia foi de espanto, e eu fico espantada com o vosso empreendedorismo!
Também adorei a tabela.
Beijinhos Triquiteiros

Diário Bloguefólio

Porquê e para quê um Blogue-Portefólio?

Uploaded on authorSTREAM by jusousa | 

De onde nos chegam amigos