Procurar no Bloguefólio:


Widget UsuárioCompulsivo

quinta-feira, 24 de outubro de 2013

A documentação pedagógica

De vez em quando a nossa professora pede à Lídia para fotografar atividades que está a fazer connosco, para assim documentar o nosso processo educativo. 
Mas, de vez em quando, a Lídia, em vez de fotografar, filma... e assim, em vez de termos as atividades documentadas em imagens, temo-las em video, onde podem ver-nos mesmo em ação, ao vivo e a cores!

Foi o caso de ontem, quando replicamos pela primeira vez a experiência química que a professora nos demonstrou. 
Estes são os meninos mais crescidos (um de cada vez, todos fizeram a sua replicação da experiência, mas só esta primeira vez ficou registada em video):
video
Na próxima vez vamos pedir à Lídia que filme as expressões faciais todas, ao redor da mesa grande... eram bem dignas disso ;-)

Outra "curta-metragem"... agora com os mais pequenos.
Um diálogo sem som entre dois meninos de 2 anos na área da biblioteca, captado pela nossa professora:
video
Inicialmente, um estava a ler ao outro a Lengalenga dos 10 macaquinhos... mas quando se sentiu observado, ficou mudo ;-)

A documentação pedagógica,  é "[...] um processo cooperativo que ajuda os professores a escutar e observar as crianças com que trabalham, possibilitando, assim, a construção de experiências significativas com elas."                                               
Gandini & Goldhaber, 2002

A documentação pedagógica permite uma análise da originalidade dos processos construtivos de conhecimento por parte das crianças, das suas experiências individuais ou em grupo e pode ser feita através de vários meios: textos descritivos, fotografias, vídeos, produções das crianças, registos de observações e outras formas consideradas adequadas para registar o que a criança faz e como o faz.

A análise dessa documentação permite aos educadores revisitarem as situações, sistematizarem informação acerca de cada criança, obtendo dados para a sua avaliação formativa, bem como reverem as suas práticas para compreender melhor a(s) cultura(s) da infância. 

Uma das possibilidades de documentação é a construção de Portefólios, com o objetivo de registar vivências e experiências, documentando descobertas e ações das crianças nos espaços da Educação Infantil. A documentação, quando inserida no Portefólio de Aprendizagem das crianças, pode ser revista por elas próprias, sozinhas ou em grupo, podendo ter, assim, a oportunidade de compartilhar as suas ideias e opiniões, tomar consciência das suas aprendizagens e aprender a apreciar e respeitar o trabalho dos colegas, fortalecendo vínculos com vista á construção de um ambiente colaborativo.

Também os pais, tendo acesso à documentação pedagógica, podem conhecer as situações vivenciadas pelos seus filhos e perceber melhor as suas atitudes, pontos fortes e dificuldades.

A prática de documentar o processo educativo facilita o desenvolvimento de uma escuta mais atenta e cuidadosa dos saberes das crianças, bem como o aperfeiçoamento dos métodos de observação e registo, com vista a uma maior eficácia no processo.

2 comentários:

Sala Encarnada disse...

Ai ai ... tenho de me documentar em experiências ... minha grande culpa!;)
Adoro e não sei fazer :(

Rosa Alves disse...

Como eu gosto disto!!! A documentação e o portefólio como instrumento de avaliação, assentam numa visão democrática de educação, e logicamente de avaliação, que reconhece a participação de todos os atores envolvidos no processo educativo. É aquilo que Oliveira-Formosinho, chama de "diálogo entre culturas" - a da criança e a do professor... e que tu tão bem sabes fazer.Parabéns por utilizares aquilo que eu chamo de "formatos de documentação pedagógica integradores". Por cá, também o tentamos fazer.
Beijinhos Triquiteiros

Diário Bloguefólio

Porquê e para quê um Blogue-Portefólio?

Uploaded on authorSTREAM by jusousa | 

De onde nos chegam amigos