Procurar no Bloguefólio:


Widget UsuárioCompulsivo

quinta-feira, 14 de maio de 2015

Na "casa nova"

Hoje foi o primeiro dia num novo contexto: a sala do prof. Rui Pedro (que se mudou para cima, com os seus alunos) na Escola Básica de Subportela, vai ser a Sala Fixe por alguns dias... o tempo necessário para se realizarem as obras de substituição da cobertura de fibrocimento da nossa escola.

Fomos muito bem recebidos por todos: meninos, meninas, docentes, estagiárias e auxiliares desta escola, que são muito simpáticos e nos fizeram sentir em casa ;-)
Tivemos, pois, que nos adaptar a um novo espaço - com (apenas) alguns materiais (que trouxemos connosco) - e também à falta dos nossos quadros de responsabilidade e a algumas rotinas diferentes, mas tudo irá correr bem e, decerto, vamos aprender a valorizar mais o que temos na nossa sala!

Começamos com a realização de uma experiência de bonito efeito, candeeiros de lava, parecidos com estes:

Será que podemos fazer algo parecido? E o que precisamos?
A água, o óleo e os corantes alimentares foram fáceis de descobrir... e constituíram a primeira parte da experiência. 
Comprovamos que o óleo não se mistura com a água, o que se explica aqui.
Mas faltava um ingrediente secreto... o que faz a magia.
- Aquele que faz as borbulhas a andar para cima e para baixo!
Pois, e esse ingrediente secreto são pastilhas efervescentes!
Quando colocadas, uma de cada vez, aconteceu isto:

video
Achamos gira esta experiência, pelo bonito efeito que faz e que está sempre a mudar. Quantas mais pastilhas efervescentes colocarmos, mais parece que está a ferver e faz borbulhas!

A explicação científica é esta: ao juntarmos aos líquidos a pastilha efervescente, ela afunda-se porque é mais densa do que a água e óleo. Quando começa a fazer efervescência, liberta gás carbónico. O gás sobe e leva consigo água, porque é menos denso  do que esta e do que o óleo. Ao chegar à superfície, o gás carbónico é libertado no ar e a água regressa para baixo. 

Representamos, tal como é hábito fazermos, esta nova experiência:

Após a reunião da manhã brincamos nas novas áreas disponíveis...

Apesar de serem menos do que estamos habituados, foi igualmente
!

Ainda houve tempo para algo ambicioso... começar a desenhar a planta do nosso jardim mágico das flores, incluindo nessa representação as ideias que ontem os Sr. Carlos da Junta de Freguesia nos deu...

Não é uma tarefa fácil, mas é um desafio! 
E o caminho faz-se caminhando...
E está quase... temos arquiteto!
Até amanhã!

1 comentário:

Rosa Alves disse...

Olá.Vai correr tudo bem na casa nova, e o regresso à "casa antiga" ainda vai ser melhor, até porque além do telhado novo, vão ter um jardim muito florido! Grandes empreendedores!
Gostei muito da vossa experiência...Vou guardá-la. Posso?
Beijinhos Triquiteiros

Diário Bloguefólio

Porquê e para quê um Blogue-Portefólio?

Uploaded on authorSTREAM by jusousa | 

De onde nos chegam amigos