Procurar no Bloguefólio:


Widget UsuárioCompulsivo

sábado, 30 de outubro de 2010

Outras coisas de bruxas...

... que fomos fazendo ao longo da semana:

Na área da modelagem, a chegada da plasticina cor de laranja deu origem ao aparecimento espontâneo de:
... abóboras, pois claro!

Aprendemos a lengalenga das "5 pequenas abóboras" e registámo-la de uma forma original: com uma colagem 3D! Querem ver?
Aqui estão as nossas 5 pequenas abóboras, sentadas ao portão...
 

As lembranças que chegaram na "caixinha das supresas" foram decoradas a gosto; cada um fez uma para si e as outras foram para o nosso móbile assustador:

Depois a bruxa Miquelina Zinha trouxe um chupa-chupa para acompanhar a lembrança e foi tudo para casa num saquinho...

sexta-feira, 29 de outubro de 2010

Um Dia das Bruxas sem medos...

Mesmo com uma entrada assustadora, numa sala quase às escuras, apenas com uma abóbora iluminada... não houve medos!

Mesmo com a chuva forte e o vento a assobiar nas janelas, com relâmpagos e trovões (tão adequados a dia) ... não houve medos!

Mesmo com uma bruxa a sério, "de carne e osso" (a Miquelina Zinha, como lhe chamámos...) a entrar pela sala dentro... não houve medos!

Mesmo vestindo os nossos fatos de bruxos e colocando chapéus pontiagudos e cabeleiras de ráfia... não houve medos!
Qual medo, qual quê... na Sala Fixe já ninguém sabe o que isso é!

E, se duvidam, basta ver estas carinhas... 

quinta-feira, 28 de outubro de 2010

A Miquelina, a leitura e a matemática...

Para desconstruir os medos das crianças pequenas, não há como brincar com eles, torná-los familiares...
Por isso, brincando ao faz-de-conta, recebemos na sala uma carta da Bruxa Miquelina (que já cá passou no ano passado...)
Estivemos a vê-la com muita atenção, tanto mais que trazia imagens no meio das palavras, ou seja, estava escrita em pictograma, para que os mais pequenos também conseguissem apropriar-se do seu conteúdo e descodificar a mensagem:
   
Assim conseguimos ler as imagens, que é um bom primeiro passo para conseguirmos, mais tarde, ler palavras e identificar as letras que as formam.
Então, ficamos a saber que ela quer cá vir, fazer-nos uma visita.
E nós também queremos recebê-la... parece que vai trazer uns docinhos e tudo!

Só não ficamos muito satisfeitos com os "Beijos Azedos" que nos enviou no fim da carta...
Se vier cá amanhã, nenhum de nós lhe vai querer dar beijinhos, isso é certo!

Mas tivemos que preparar um registo que lhe desse a conhecer:
  • Quantos somos no total;
  • Quantas crianças são meninas e quantas são meninos;
  • Quantas crianças têm 3 anos;
  • Quantas têm 4 anos;
  • Quantas têm 5 anos.
Então tivemos que resolver este problema matemático e fazer muitas contas... para além de perguntar a cada um se era menino ou menina e quantos anos tinha (alguns não sabiam!)
 
 Depois construímos um gráfico de barras, que ainda não está totalmente pronto, mas já dá para a Bruxa Miquelina fazer as contas aos doces que deve deixar na Sala Fixe...
 
Veremos o que acontece amanhã...

Uma chuva de ideias sobre... o medo

Conversa em grande grupo, ao início da manhã...



 O que é o medo?
- É... é... não sei explicar...
- É quando temos medo!

Para que serve o medo?
- Para nos assustarmos...

De que temos medo?
- Eu não tenho medo de nada!
- Eu também não!
- E eu... e eu...

O que são coisas assustadoras?
- São coisas que nos metem medo...
- Muitas coisas...
Aqui estão as que foram mais destacadas:


Que representamos através de desenho...

E, continuando a conversa...

O que acontece quando temos medo?
- O coração bate, bate, até pára!
- Não pára nada, bate é com muita força!

O que fazemos quando temos medo?
- Eu choro quando tenho medo, se está escuro eu tenho medo e choro.
- Eu tenho medo quando fico sozinha em casa e choro.
- Eu tenho medo de aranhas mas não choro, piso-as! 


Se o medo tivesse cor, qual seria?
- Preto!
- É, deve ser preto!
- Como as bruxas e o escuro!
- mas também podia ser branco, como os fantasmas...
- É, mas não podia ser de mais nenhuma cor.

quarta-feira, 27 de outubro de 2010

Preparativos para o Dia das Bruxas

Temos andado bem atarefados...
Estamos a preparar os fatos de bruxas e bruxos, para nos disfarçarmos na sexta-feira... vai ser muito divertido o nosso Dia das Bruxas antecipado!

E somos nós que preparamos tudo, com ajuda da Juca, da Celeste e, de vez em quando, da Andrea, quando vem para a nossa sala:
  • Estamos a fazer vestidos, com sacos pretos; 
  • Não esquecemos os chapéus e as cabeleiras, que fazemos com cartolina e ráfia;
  • E também preparamos lembranças assustadoras... bruxas, bruxos, corvos e abóboras de feltro, que chegaram na caixinha das surpresas, que decidimos que vão servir para decorar a sala e também para levar para casa de recordação.
A área dos projectos tem estado, por isso,  muito animada!
É só lantejoulas e purpurinas... a nossa lembrancinha vai ficar brilhante!

E os chapéus de bruxas e bruxos, então, nem se fala!
Aguardem...

As artes no Jardim de Infância

A nova brochura da Direcção Geral de Inovação e Desenvolvimento Curricular (DGIDC) dedicada às Expressões Artísticas (essencialmente a musical e a plástica) está já disponível no respectivo site, podendo ser consultada e feito download da mesma a seguir:


As_artes_no_Jardim_infancia
As_artes_no_Jardim...
Hosted by eSnips
 
Brevemente será editada, à semelhança das anteriores, que se constituíram como bons recursos para a operacionalização das Orientações Curriculares da Educação Pré-escolar (OCEPE) ao nível do desenvolvimento das práticas lectivas.

Como tive o prazer de participar na formação de formadores que a DGIDC levou a efeito, é com agrado que constato que este projecto foi avante, apesar das circunstâncias actuais não serem muito favoráveis...

segunda-feira, 25 de outubro de 2010

Uma coisa muuuuito assustadora...

Foi o tema da conversa de  hoje, depois de descobrirmos que festa estava quase aí a chegar...
- O Dia das Bruxas!
E a animação foi tal que, na hora de planearmos a semana, logo ficou decidido que todos se queriam mascarar de bruxa, pelo que temos que fazer os fatos e preparar tudo o que é preciso.

Com o entusiasmo, quase nem contávamos as novidades direito e esta semana os meninos grandes produziram textos pela primeira vez: depois de a professora escrever as palavras que disseram, ilustraram com desenho. Ora vejam:
Aprendemos com os vizinhos da Sala dos Amigos, que também produzem os seus textos à segunda-feira... e é muito bom aprendermos coisas novas uns com os outros!

Da parte de tarde...
Um livro, uma história nova! 
É a rotina de segunda-feira...
Chamava-se "O Cuquedo"
- O que será isso do Cuquedo?
- Hum...
- Deve ser alguma coisa assustadora...

Contou-se então a história, com olhinhos bem abertos, boquinhas fechadas e ouvidinhos à escuta... aqui está ela (a nossa professora encontrou este vídeo com a história, partilhada pela Leonor, dos amigos do blogue Galega Encarnada):


Mas, quase a chegar ao fim,  não nos mostrou a imagem do Cuquedo!
- Oh! Queríamos ver como era...
- E se primeiro imaginássemos como será o Cuquedo? Já sabemos que é assustador...
- Deve ser branco, como os fantasmas!
- Ou preto, eu acho que é preto!
- O preto é mais assustador!

Distribuiram-se folhas de papel e cada um foi buscar a cor que achava que seria a cor do Cuquedo... alguns quiseram usar mais do que uma. 
E toca a pôr mãos à obra de imaginar e desenhar!


(Pedimos desculpa porque algumas imagens, ao serem carregadas para o Slide.com, rodaram e não ficam tão bem... só ainda não percebemos como é que isso se resolve! Também faltam algumas fotos de meninos a desenhar porque acabou a bateria da máquina da professora...)

Observando depois cada desenho e comparando com a imagem do Cuquedo que aparece no fim da história vimos que, quem mais se aproximou, foi o Rodrigo B., pois fez o Cuquedo muito preto, tal como ele é.

Também observamos que, às vezes, temos medo de coisas que pensamos que são assustadoras, mas afinal não são! Quando o Cuquedo apareceu, nenhum animal se assustou...

Depois levamos "trabalho de casa": pensar nas coisas que para nós são mesmo assustadoras, das quais temos medo, pois amanhã vamos falar delas.

domingo, 24 de outubro de 2010

Terminamos as nossas capas

Mais de uma semana de trabalho, foi o que foi...

Carimbar as duas mãos, escolher a lã preferida, coser as  bordas laterais, decorar com pintura no verso, seleccionar, colocar por ordem e depois colar as letras do nome... ufa, que trabalheira! E tudo feito por nós, embora tivessémos ajuda, se fosse preciso.

Mas valeu a pena, pois agora já temos onde guardar as nossas produções individuais (ou melhor, todas aquelas que não vão para o Portfolio).

Assim surgiu uma nova rotina semanal: arrumar os trabalhos. 
Agora o Quadro de Tarefas tem mais um cartão, para indicar os dois ajudantes desta tarefa que fazemos sempre à sexta-feira.

Ora espreitem lá como foi:



sábado, 23 de outubro de 2010

Mãos na massa... ou na "digilatina" (?)

Gelatina para lá, gelatina para cá, porque não experimentar uma nova técnica com gelatina?
Foi o que fizemos... digi-gelatina ou digilatina, que é mais fácil de dizer!

Misturamos farinha com água até obter uma massa, depois juntamos um pouco de sabonete líquido e dois pacotes de gelatina. O resultado foi uma massa-quase-líquida muito macia, fofinha e cheirosa! Com ela usamos a técnica da digitinta (pintura a dedo) e foi assim:
As pinturas que produzimos ficaram bem perfumadas e muito cor-de-rosa... deve ser porque a gelatina era de pêssego e manga!

sexta-feira, 22 de outubro de 2010

Gelatina de frutas

Foi a receita da actividade culinária desta semana...

As frutas vieram de casa, cada um escolheu o que iria trazer, pensando um pouco que frutas havia lá em casa. 

(Assim descobrimos alguns segredos: por exemplo, que alguns de nós não têm fruta em casa, nem a comem de sobremesa ao jantar. E, conversa puxa conversa, também ficamos a saber que temos cá meninos que ainda mamam no biberão e na chupeta! Como não são hábitos bons para meninos desta idade, sentiram alguma vergonha... pois, meninos tão "crescidos" que até já andam no jardim de infância? Não pode ser. Claro que temos cá outros que não o fazem e tomam o leitinho na caneca ou no copo como gente grande e já não usam chupetas! Papás e mamãs, vamos lá a ajudar a crescer esta gente...)

Mesmo assim, algumas mamãs tiveram de ir às compras já de noite... porque os seus filhotes escolheram frutas que não havia lá em casa! Desculpem lá o mau jeito...
Começamos por observar as frutas: maçãs, bananas, pêssegos, uvas , laranjas e kiwis.
Depois a Celeste descascou-as todas e nós ajudamos a cortar, devagarinho, em pequenos grupos e com facas de mesa, para não ser perigoso...
Depois preparou-se a gelatina, juntando o pó das 4 saquetas com 2 litros de água quente e 2 litros de água fria. Mexeu-se bem e acrescentou-se a fruta cortada.
Depois colocamos em copos e foi para o frigorífico para ficar sólida. Só hoje pudemos comê-la e, para tal,  convidamos os meninos da Sala dos Amigos, como é costume... 
  Tinha muito bom aspecto, não acham?
E parece que soube muito bem a todos, de tão fresca e docinha que estava...
Até levamos o registo da receita para casa outra vez... para fazer no fim de semana!

Diário Bloguefólio

Porquê e para quê um Blogue-Portefólio?

Uploaded on authorSTREAM by jusousa | 

De onde nos chegam amigos